Publicidade

Ministra de Estado dos Direitos Humanos envia equipe para Saudades

07 de Maio
Publicidade
  Logo após a coletiva de imprensa, ainda na noite de terça-feira, (4), a ministra de Estado da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves ligou para o prefeito Maciel Schneider.   A ministra colocou todo o Ministério (MMFDH) à disposição do prefeito Maciel. Impossibilitada de viajar para prestar as condolências pessoalmente, afirmou que enviaria representantes ao município.   O objetivo da comitiva visa contribuir com estratégias de acolhimento às famílias das vítimas, bem como com o fortalecimento das políticas de proteção a direitos da criança e do adolescente.   A comitiva do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH) chegou ao município de Saudades, para acompanhar os desdobramentos do ataque a creche ainda na quarta-feira, (5).   "Precisamos cuidar das famílias das vítimas e de toda a cidade. Hoje já falei com o Presidente da Caixa Econômica sobre a reforma da escola e com o Programa Pátria Voluntária sobre o auxílio com psicólogos para as famílias das vítimas, para os profissionais da educação e também para as crianças de outras escolas que estão com medo de voltar para as aulas", publicou a ministra em sua conta no Instagram.   Damares salientou que, a pasta irá acompanhar de perto as investigações do caso, dentro das competências atribuídas ao ministério. “Nos colocamos à disposição das autoridades locais e das famílias para ajudar no que for necessário.”   Os representantes no ministério também prestaram uma singela homenagem visitando o local em honra às vítimas da chacina. Em nome da ministra Damares e de todo o Governo Federal, eles levaram flores ao espaço onde o crime aconteceu como símbolo de solidariedade e respeito.  
Publicidade
Publicidade