Publicidade

MODELO: Polícia prende mais um suspeito de homicídio

07 de Maio
Publicidade

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia Civil de Fronteira da Cidade de Modelo em trabalho conjunto com a Delegacia de Repressão a Roubos e Furtos e o Ministério Público da cidade de Modelo, lograram êxito em localizar e prender preventivamente, o suspeito de 34 anos, responsável, juntamente com outros dois suspeitos, de ter praticado o crime do homicídio qualificado, no dia 18 de abril, na cidade de Modelo.


RELEMBRE O FATO

No dia 18 de abril, por volta das 21h30min, 03 (três) individuais, todos munidos de armas brancas, facões, invadiram a residência da vítima, oportunidade em que começaram a golpeá-la.

A vítima, mesmo diante das agressões, tentou empreender fuga, no entanto foi alcançado pelos investigados que, imediatamente, voltaram a golpeá-la com as armas acima referenciadas.

A vítima foi socorrida e encaminhada para o hospital da cidade de Modelo, no entanto, em decorrência do estado grave em que o ofendido se encontrava, foi transferido para o hospital regional da cidade de São Miguel do Oeste, não resistindo aos ferimentos, vindo a óbito na madrugada do dia 19 de abril.

No mesmo dia 19 de abril do presente ano, a Polícia Civil de Fronteira da Cidade de Modelo, com apoio dos Policiais Civis da Cidade de Pinhalzinho e Nova Erechim, lograram êxito na identificação de todos os suspeitos do crime hediondo, razão pela qual, a Autoridade Policial representou pela prisão preventiva dos investigados.

O MM. Juiz de Direito da Comarca de Modelo, após manifestação favorável do Membro do Ministério Público, deferiu o pleito policial, decretando a ordem de prisão.

No dia 20 de abril, um suspeito de 21 anos foi preso preventivamente pela polícia civil e durante o lnterrogatório exerceu seu direito constitucional de permanecer em silêncio e somente se manifestar perante a autoridade judiciária competente.

A Polícia Civil, também, conseguiu identificar o motorista de um veículo que prestou auxílio aos suspeitos, na fuga, após a prática do crime, ocasião em que foi intimado para ser interrogado, apresentando versão diversa daquela apresentada em relatório de investigação e informada por testemunhas.

A PRISÃO DO SEGUNDO SUSPEITO

Nesta data, após compartilhamento de informações entre a Polícia Civil e o Ministério Público, os Polícias Civis da Delegacia de Repressão a Roubos e Furtos lograram êxito localizar o suspeito acima referenciado, no interior da cidade de Xaxim, oportunidade em que deram voz de prisão ao já indiciado e denunciado, no qual informou aos policiais que estava trabalhando, havia uma semana, no local em que foi encontrado, qual seja, um aviário.

O suspeito, então, foi encaminhado para o sistema prisional da cidade de Chapecó, no qual permanecerá à disposição da justiça.


Outro responsável pelo crime, também indiciado e denunciado, no qual cinta com 32 anos, está foragido.


Os executores do crime brutal, no qual mutilou a vítima, foram indiciados pelo crime de homicídio qualificado duas vezes, em razão do motivo fútil e mediante recurso que impossibilitou a defesa do ofendido, em concurso de pessoas, cujas penas podem ultrapassar 30 (trinta) anos de reclusão.

O motorista do veículo automotor já acima citado, foi indiciado pelo mesmo crime, na condição de partícipe, em razão do auxílio material prestado.

O inquérito polícia já foi encaminhado, ainda no mês de abril ao Poder Judiciário e ao Ministério Público.

O Ministério Público ofereceu denúncia em face dos responsáveis que devem ir a júri popular.


Polícia Civil, você pode até não ver, mas estamos sempre presentes.

Publicidade
Publicidade