Sul Brasil fundará cooperativa de energia solar nesta quinta-feira

22 de Junho
Publicidade

Depois de várias reuniões, um novo passo será dado para a fundação da Cooperativa De Energia Solar de Sul Brasil. Nesta quinta-feira, dia 23, às 19h, no Auditório da Câmara de Vereadores, será discutido o estatuto, definida diretoria e lançado o edital para fundação da cooperativa, que precisa ter um prazo de publicação de 10 dias.

O objetivo da cooperativa é oferecer energia solar para residencias e empresas. As pessoas interessadas são convidadas para o encontro que terá participação do presidente da Cooperativa Estadual de Energia Solar, Ivo Macagna, que é especialista no assunto e ajudará sanar dúvidas e discutir as ideias.

O formato da cooperativa é atraente, já que os sócios não precisam de investimento inicial. E o valor mensal de sua participação será o seu gasto mensal de energia. Haverá somente uma usina, instalada em um ponto com iluminação favorável para a eficiência do processo de geração de energia. A estimativa é de que em no máximo cinco anos o sócio tenha sua participação na cooperativa quitada e passe então a usufruir desta economia significativa.

Um dos membros fundadores da cooperativa, Fábio da Silva, convida as famílias interessadas para a reunião. “Podem participar famílias de Sul Brasil e municípios vizinhos que tem energia da distribuidora Ceraça. As famílias da área atendida pela Celesc em Sul Brasil participarão da cooperativa de Saltinho que foi fundada”, afirma.